JPMotos
Exército e PM em Crato fecham fábrica clandestina de alimentos para animais
6 de maio de 2021 às 09:22
25
Visualizações

Uma operação promovida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento resultou no fechamento de uma fábrica clandestina de sal mineral que funcionava no bairro Barro Branco em Crato. Foi nesta quarta-feira e os técnicos tiveram o apoio da Polícia Militar e do Exército Brasileiro na ação destinada a interditar a empresa de suplementos para alimentação de animais.

A mesma não possui registro no Ministério da Agricultura, conforme determina a legislação. Além disso, o flagrante feito em torno da maneira como esse suplemento era produzido poderia colocar em risco não só a saúde dos animais, mas até do consumidor final da carne, do leite ou ovos destes de acordo com a avaliação dos técnicos. A operação foi motivada a partir de denúncias feitas junto a ouvidoria do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Os técnicos constataram adulteração nos produtos, resultando na apreensão de mais de R$ 100 mil em mercadorias, além de matérias-primas e equipamentos. O estabelecimento foi autuado pela produção irregular, mas ninguém foi preso. O pessoal do ministério promete novas operações no Cariri, fiscalizando empresas em desacordo com as normas. Segundo os técnicos, além de prejudicial à saúde dos animais e dos seres humanos é, também, concorrência desleal para empresas devidamente registradas.

ComentáriosComentários