JPMotos
Mais três mulheres são assassinadas no Ceará, aumentando para 304 os crimes no Ceará
27 de novembro de 2020 às 17:30
111
Visualizações
Tayná foi morta no Sítio São João, em Fortaleza. Luana, assassinada na chacina de Ibaretama
Em Aquiraz, uma mulher identificada por Adriana foi morta com tiros no rosto quando dormia

Subiu para 304 o número de mulheres assassinadas no Ceará neste ano. Nas últimas 48 horas, as autoridades fizeram o registro de mais três crimes do gênero. Na noite desta quinta-feira (26), uma mulher foi assassinada enquanto dormia numa rede dentro de sua residência, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

De  acordo com a Polícia, o crime ocorreu na mesma localidade onde, há cerca de um mês, duas jovens foram também mortas e uma terceira ficou ferida. Ambos os casos aconteceram no Distrito de Telha-Camará, em Aquiraz. A mulher morta foi identificada como Adriana e a Polícia não informou se o crime está ligado ao duplo assassinato anterior ou à guerra de facções que é intensa em Aquiraz.

Também ontem, em Ibaretama (a 130Km de Fortaleza), sete pessoas foram mortas na segunda chacina registrada no Ceará em menos de um mês. E entre as sete vítimas está uma mulher, a jovem identificada como Luana Melo da Costa, 19. Ela e as outras seis pessoas, incluindo uma criança de 7 anos e dois adolescentes, foram mortos, a tiros, por um grupo armado que invadiu a casa da família na localidade de Pedra e Cal, na zona rural de Ibaretama.

Mais uma

Já na noite da última terça-feira (24), uma jovem de 24 anos foi morta, a tiros, em plena praça pública no bairro Sítio São João, no Grande Jangurussu, na zona Sul de Fortaleza. O crime teria como motivação a guerra de facções naquela comunidade.

Francisca Tayná Bandeira Lima recebeu vários tiros à queima-roupa disparados por bandidos de uma facção e teve morte instantânea. Ela seria informante ou simpatizante de uma facção rival à dos criminosos, segundo levantamentos feitos pela Polícia.

Balanço

Em novembro já são 18 mulheres assassinadas no Ceará. Veja, a seguir, a lista das vítimas dos assassinatos no estado:

01 – (02/11) – Vítima não identificada (achado) – (MORADA NOVA)

02 – (06/11) – Vítima não identificada (bala) – Av. Perimetral/B. Jangurussu (CAPITAL)

03 – (10/11) – Cícera Samires dos Santos Sousa (bala) – Sede/Centro (MILAGRES)

04 – (11/11) – Maria Luíza Mesquita, 53 (bala) – Rua Pintor Lemos/Sede (SOBRAL)

05 – (11/11) – Gisélia de Paiva Pereira (bala) –  (LIMOEIRO DO NORTE)

06 – (11/11) – Francisca Roberta da Silva, 222 – Distrito Telha-Camará (AQUIRAZ)

07 – (11/11) – Francisca Suellen da Silva Clemente, 15 (bala) – D. Telha-Camará (AQUIRAZ)

08 – (11/11) – Ana Gláucya Ferreira Braz (bala) – B. Parque Dom Pedro (ITAITINGA)

09 – (14/11) – Conhecida por Jade  (bala) – B. Serrinha (CAPITAL)

10 – (14/11) – Vítima não identificada (bala) – Viaduto do Antônio Bezerra (CAPITAL)

11 – (14/11) – Conhecida por “Pretinha” (bala)  – (JAGUARETAMA)

12 – (16/11) – Vítima não identificada (bala) – B. Planalto Ayrton Senna (CAPITAL)

13 – (18/11) – Maria Silva Freitas, 55 (faca) – Bairro Marrecos (ACARAPE)

14 – (18/11) – Ericlene dos Santos, 18 (bala) – Bairro Franciscanos (JUAZEIRO DO NORTE)

15 – (22/11) – Dayra Lorrane Matias Cardoso, 22 (faca) – Bairro Zona Nobre/Sede (ITAPIPOCA)

16 – (24/11) – Francisca Tayná Bandeira de Lima, 24 (bala) – Praça do Sítio São João (CAPITAL)

17 – (26/11) – Identificada apenas por Adriana  (bala) – Distrito Telha-Camará (AQUIRAZ)

18 – (26/11) – Luana Melo da Costa, 19 (bala) – Distrito Pedra e Cal (IBARETAMA)

Com Informações Fernando Ribeiro

ComentáriosComentários